Quarta-feira, 25 de Março de 2009

 

 
«A minha prima Zulmira é o que pode chamar uma mulher média. Lembro-me sempre dela em ano de eleições, pela previsibilidade do seu voto. É uma daquelas pessoas que consegue votar sempre no vencedor, seja ele qual for.

Lembro-me da sua desilusão com os governos de Mário Soares e da sua atitude determinada em votar no PSD de Cavaco. É preciso mudar, afirmava ela enquanto jurava a pés juntos que a partir daquelas eleições tudo seria diferente.

Passados alguns anos encontrei-a zangada com o estado do país, com o autoritarismo cavaquista, com o aumento das portagens na ponte 25 de Abril, com a possibilidade da terça-feira de Carnaval deixar de ser considerado dia de tolerância de ponto.

Daí a vê-la embalada pela música do Vangelis, a elogiar o diálogo tolerante de Guterres, foi um pulinho de bicho de perna curta. Agora é que ia ser a sério, tudo ia mudar e a felicidade estava mesmo ali à mão de semear. A minha prima até acreditou que a famosa frase "no jobs
for boys" tinha alguma coisa a ver com seriedade, isenção e transparência.

Ainda o segundo mandato de Guterres não tinha chegado a meio e já a Zulmira bradava que este PS que não era carne nem peixe e estava a levar o país para o abismo e afirmava que votaria em quem quer que fosse para por termo aquele regabofe.

Nomeado Durão Barroso primeiro-ministro, com o voto da Zulmira, e voltei a encontrá-la cheia de esperança. Imaginem que até achava que aquele ar sério da ministra das finanças compensava a náusea que lhe causava a presença de Paulo Portas no Ministério da Defesa.

Meio mandato passado e a Zulmira já não conseguia suportar o sentimento de culpa de ter dado o seu voto ao PSD e voltou a embarcar no navio da esperança.

Desta é que ia ser. O homem era novo, falava bem, tinha nome de filósofo e prometia empregos como quem promete bacalhau a pataco.

Encontrei-a no passado dia 13 de Março, no meio de duzentas mil pessoas, a exigir uma mudança de rumo.

Espantado, perguntei-lhe o que estava ali a fazer, ela que achava que a democracia se esgotava no voto e que essa coisa de andar na rua a fazer manifestações estava completamente ultrapassada.

Pegou-me num braço, aproximou a sua boca do meu ouvido e confidenciou-me: sabes… acho que percebi finalmente que durante os últimos 34 anos andei a votar sempre no mesmo partido, a pensar que votava de forma diferente. Cheguei à conclusão que todas as vitórias eleitorais que festejei, afinal eram vitórias alheias. Desta vez vou votar nos teus. Para grandes males, grandes remédios.

A minha prima Zulmira é uma das muitas Zulmiras que percebeu que alternância e alternativa são palavras com diferente significado. Que percebeu a incapacidade deste centro político para resolver os problemas que as suas políticas criam.

Não sei se, apesar do que me anunciou, será capaz de romper com o preconceito ancestral e votar nos comunistas e nos seus aliados, mas o facto de anunciar essa disponibilidade já é um passo enorme, que nos permite aquilatar do estado de alma dos portugueses.

A Zulmira percebeu no meu sorriso a dúvida que se estava a instalar sobre disponibilidade para levar aquela intenção até ao fim.

Olhou o mar de gente à sua volta, perscrutou o seu relógio de pulso e disse-me com o ar brejeiro que lhe lembro da juventude: meu caro, mais vale à tarde que nunca.»

Eduardo Luciano
in Registo, 23.03.2009
 


publicado por Ricardo Miguel às 14:11 | link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 25 de Março de 2009 às 23:13
quem é o Luciano? a Zulmira é muito inteligente!
strunnfee.


Comentar post

A 10 meses das autárquicas 2009, aqui é aberto um espaço que assume um objectivo: ajudar a fazer do Cadaval um Concelho a Sério. Procura-se contribuir para a consciencialização dos problemas e a partir da sua denúncia, buscar uma alternativa.
mais sobre mim
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

FIM

PSD mete água na tomada d...

TOMADA DE POSSE

ELEITOS CDU

assembleia de apuramento ...

Na manhã do dia seguinte!...

...

BREVE NOTA

RESULTADOS ASSEMBLEIA MUN...

RESULTADOS CÂMARA CADAVAL

arquivos

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

links
participar

participe neste blog

blogs SAPO
subscrever feeds